Startup de Novo Hamburgo traz solução criativa para quem faz uso de medicamentos

Notícia adaptada do site do Martin Behrend.


Empreendedorismo é um dos principais assuntos dos últimos tempos no mundo dos negócios, principalmente quando se trata de startups, empresas com viés tecnológico e com grande potencial de escala.


No final do ano passado, o Departamento de Economia e Estatística do governo do Rio Grande do Sul apurou que o setor cultural e a indústria da criatividade empregam mais do que as tradicionais fábricas calçadistas e automobilísticas no Estado.


O levantamento oficial apontou que a economia criativa empregou 130.079 pessoas, superando os 111.765 dos contratados no setor calçadista e 105.757 nas montadoras automobilísticas.


Apesar desse crescimento, a presença feminina na liderança dessas empresas ainda é muita pequena, segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), as mulheres representam apenas 15,7% em cargos de chefia, contra 84,3% de cargos masculinos.

NOVO HAMBURGO


Um dos exemplos que mostra o potencial das mulheres em empreenderem nesse segmento de tecnologia é a startup Manda Med, empresa hamburguense voltada para área farmacêutica, que foi criada em 2019 por duas jovens mulheres.


Incubada no Hub One Feevale de Porto Alegre e no coworking do Hub One Feevale de Novo Hamburgo, a empresa comandada por Cassia Rocha e Luiza Froes vem conseguindo se posicionar no mercado.


Elas passaram para o processo seletivo da Hypera Pharma, o HyperaHub, que será realizado em São Paulo, no dia 19 de fevereiro. O evento procura conhecer startups que possam ajudar a solucionar os problemas da grande indústria Hypera - é a maior empresa farmacêutica brasileira em termos de receita líquida e capitalização de mercado. Elas ficamos entre as 39 selecionadas de 203 inscritos.

MANDA MED


“Queremos dar mais tempo e qualidade de vida para 57 milhões de brasileiros que fazem o uso de medicações contínuas” foi com esse discurso que Cassia Rocha, farmacêutica e fundadora da empresa, fez despertar o interesse das pessoas para a sua startup Manda Med.


O negócio se caracteriza como uma assinatura de medicamentos que pretende facilitar a rotina medicamentosa das pessoas, com a compra e entrega programada de medicamentos, tendo como diferencial preços acessíveis.

Cassia Rocha relata que com seus 15 anos de experiência de mercado presenciou inúmeros casos de pacientes com doenças crônicas, tendo dificuldades de encontrar seus medicamentos, de conseguirem um preço justo e não passarem por oscilações de precificação de um mês para o outro. “Alguns pacientes relatavam para mim que chegavam a ir em cinco ou mais farmácias para conseguir encontrar a sua medicação, o que criava um desconforto para essas pessoas” afirma Rocha.


Luiza Froes, sócia e responsável pela parte de operações e marketing, conta que presenciava todos os meses essa dificuldade em sua casa. “Seis anos atrás minha mãe teve um câncer de mama e, após as cirurgias e tratamento quimioterápico, teve que iniciar o uso de medicações contínuas. Durante cinco anos, eu e ela íamos todos os meses em diferentes farmácias para tentar encontrar os medicamentos e também para tentar encontrar preços acessíveis, visto que são medicações com um custo elevado”.

As sócias afirmam que a startup surgiu realmente da dor desses pacientes, para tentar ajudar milhões de pessoas que passam todos os dias por essas situações a terem mais facilidade e comodidade no gerenciamento das suas medicações.

FOCO


Além de terem como público alvo os usuários de medicações contínuas, a empresa também tem como objetivo auxiliar na gestão dos medicamentos de lares de idosos e da população 60+ como um todo. “Sabemos que a pirâmide etária do nosso país está mudando. Hoje, no Rio Grande do Sul, temos mais pessoas acima de 60 anos, do que jovens abaixo de 14 anos, isso reflete muito em lares de idosos e na própria medicação desses pacientes. Com isso, ter uma solução que auxilie esses locais é fundamental para o tratamento desses pacientes, como também para a própria gestão do lar”, relata Cassia.


Atualmente a Manda Med trabalha com dois modelos de assinatura: assinatura free, que contempla a garantia dos melhores preços dos medicamentos, entrega em casa e renovação automática da assinatura e a assinatura premium, que além dos benefícios da free, fornece também a fixação do preço dos medicamentos por até seis meses e lembretes automatizados dos horários das medicações.


Sobre a atuação da startup, Luiza afirma que a operação atual está concentrada no Vale do Sinos, mas que já estão com projetos para ampliar para a Região Metropolitana e Vale do Paranhana.


Notícia completa: https://www.martinbehrend.com.br/noticias/noticia/id/7375/titulo/startup-de-novo-hamburgo-traz-solucao-criativa-para-quem-faz-uso-de-medicamentos


#startups #empreendedorismo #empreendedorismofeminino #mulheresnosnegocios

manda_med_novo_png.png

Contato

51 99648.3794

contato@mandamed.com.br

R. Rubem Berta, 38 - Vila Nova, Novo Hamburgo - EXO HUB Coworking

R. Cândido Silveira, 198 - Auxiliadora, Porto Alegre - RS, 90540-010 

Receba novidades e promoções

  • Instagram ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social

Manda Med / Porto Alegre - RS - CNPJ: 36.056.725/0001-49 - Entregas das 08h - 18h